Hora certa:
 

Notícias

Pacientes do SUS com esclerose múltipla passam a contar com novo medicamento para tratamento da doença

Os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) que sofrem de esclerose múltipla passam a ter mais um aliado no combate à doença. Isso porque nos próximos meses o natalizumabe, substância utilizada no tratamento da enfermidade, terá sua oferta ampliada. A decisão partiu do Ministério da Saúde e consta em Portaria publicada recentemente.

A inclusão do natalizumabe foi avaliada pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec). Neste caso, foi analisado o impacto das mudanças na qualidade de vida dos pacientes. Outro ponto levado em conta foi a relação custo-efetividade obtida por meio da comparação entre os medicamentos ofertados pelo SUS.

A esclerose múltipla é uma doença que atinge, sobretudo, adultos jovens, com idade entre 20 e 50 anos, e compromete o sistema nervoso central. O problema acarreta interferências na transmissão dos impulsos elétricos que controlam as funções do organismo e diversas consequências para os pacientes, entre elas, alterações na visão, no equilíbrio e na capacidade muscular.

Fonte: Brasil 61












Fechar


SnifBrasil é uma publicação

(11) 5533-5900 – dpm@dpm.srv.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim SnifBrasil é de responsabilidade de cada um dos colaboradores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial sem a expressa autorização da DPM.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail editor@snifbrasil.com.br.
Qualquer problema, ou dificuldade de navegação poderá ser atendido pelo serviço de suporte SnifBrasil, pelo e-mail suporte@snifbrasil.com.br

Seu IP: 3.216.79.60 | CCBot/2.0 (https://commoncrawl.org/faq/)